3 mitos sobre falar em público

Quando estamos nervosos e com medo de falar em público, acabamos aceitando qualquer sugestão que prometa sucesso, mesmo sem saber se ela realmente funciona. Inclusive, às vezes, nem acreditamos na solução que nos é dada, mas por nos sentirmos inseguros, tentamos aplicá-la no palco.

Talvez você tenha uma experiência desse tipo, onde aceitou aquela “dica milagrosa” do seu amigo que sabe tudo e no final das contas se arrependeu do que fez. Se ainda não aconteceu com você, melhor ainda! Você não precisa aprender errando e chegou ao lugar certo.

Para desmistificar alguns desses mitos, reunimos neste artigo 3 que são clássicos, que todo mundo já ouviu, e já provaram não funcionar na prática. Vamos lá!

1. “Não precisa ficar nervoso”

Realmente! Precisar, não precisa, mas você vai… E tudo bem. Isso é normal, principalmente nas primeiras apresentações. Inclusive, é comum que o público confunda o seu nervosismo com entusiasmo, e ele até contribua para o seu discurso.

Sendo assim, não fique pensando em não ficar nervoso. Isso só te deixará ainda mais tenso. Se a sensação de nervosismo não estiver te impedindo de falar, continue entregando sua mensagem naturalmente. Até os palestrantes mais experientes sentem um frio na barriga ao subir no palco, e talvez esse seja o prazer de falar em público.

2. “Fique olhando para um ponto fixo”

Essa é, de longe, a maneira mais fácil de perder o interesse do público. Aqui no blog da Ducovox, sempre falamos sobre a importância de se conectar com a sua audiência em uma apresentação. Uma das formas mais simples e verdadeiras de fazer isso e garantir a atenção do público é o contato visual.

Por isso, em uma apresentação, esqueça isso de focar em apenas um ponto e percorra com o olhar todos que te assistem, na altura dos olhos deles. Isso fará com que a sua plateia sinta que você realmente preparou aquele discurso para cada um deles.

3. “Decore o discurso”

Quando você decora o seu discurso, além de ficar parecendo um robô em cima do palco, há o risco do esquecimento. Uma palavra esquecida, se transforma em uma frase e pronto, todo o seu discurso está comprometido.

Ao invés de decorar suas falas, domine o conteúdo e aposte na naturalidade durante sua fala. Se você está seguro em relação ao tema, tudo bem você mudar a ordem, ou incluir exemplos novos dependendo da aceitação do público.

Encare como se você estivesse explicando um assunto em uma roda de amigos e, com certeza, sua plateia se sentirá muito mais tocada pela mensagem que você está passando. E, claro, não esqueça de treinar o discurso algumas vezes na sua casa e, se possível, treine também no local que realizará a apresentação, assim você já se sentirá mais familiarizado com o ambiente!

Esses são alguns dos mitos mais ditos em relação à falar em público. Se você já ouviu mais algum, deixe um comentário para a gente contando a sua experiência. E aproveite para conhecer os próximos cursos de oratória em SP da Ducovox e se prepare para as suas apresentações com que realmente entende do assunto.